.posts recentes

. Amar com seis sentidos

.arquivos

. Novembro 2008

. Setembro 2008


Quinta-feira, 4 de Setembro de 2008

Amar com seis sentidos

 

 

 

Respiramos o delicado perfumar,

Incenso de jasmim num quanto quente,

Duma aura mágica que se sente

E onde pudemos nos embriagar.

Uma lamparina de azeite a arder,

Impede a escuridão de entrar

 

Em almas que desejam se amar,

Em corpos anseiam se conhecer.

Entregamo-nos ao quente demulcir,

De chocolate com pimenta dos beijos,

Que fantasiam quiméricos mil desejos,

Todos únicos desejos ainda por vir.

Lençóis rubros e aveludados em cetim,

Estendem-se em convite sobre o leito.

Tocam-nos suaves num gesto perfeito,

Perfeito encanto de um romance sem fim.

Sons orientais nos elevam e transportam

A templos eternos perdidos no tempo,

Eternidades de um amor desatento

 - vidas esquecidas que retornam.

Os sentimentos das almas requintadas

Confundem-se numa luz única e pura.

Transcendemos sonhos e anseios sem cura

E vibramos em energias unificadas

sinto-me:
tags:

publicado por butterflydanoite às 14:58

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Novembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

24
25
27
28
29

30


.tags

. todas as tags

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds